IMG-20160305-WA0007

Pedro Leopoldo Jussiani Francesch (esteira), Yuri Rafael Dias e José Molino Moiano Junior

 

Teste piloto realizado no laboratório CEPEFIS/UFPR coordenado pelo professor Dr. Raul Osiecki para a pesquisa de conclusão de curso do acadêmico Pedro Leopoldo Jussiani Franceschi com o titulo provisório “Intensidades fisiológicas de três ascensões consecutivas na escalada esportiva”, que tem como objetivo analisar a intensidade de uma rota na escalada esportiva com um grau abaixo da graduação máxima escalada pelo esportista. A pesquisa tem como parâmetro de comparação as intensidades dos limiares fisiológicos encontrados em esteira ergométrica. Foi realizado o teste progressivo máximo usando o mesmo protocolo de um estudo internacional publicado em 2006 no periódico European Journal of Applied Physiology com o titulo de Infuence of climbing style on physiological responses during indoor rock climbing on routes with the same dificulty. O teste foi realizado com o aluno/escalador Pedro Leopoldo, monitorado pelo profissional Yuri Rafael Dias, e o acadêmico de iniciação científica José Molino Moiano Junior. O protocolo utilizado foi de 5.4km/h com acréscimo de 1.8 km/h a cada 3 min e utilização da PSE – Percepção Subjetiva de Esforço.como marcador fisiológico.
Fonte: CEPEFIS – Centro de Estudos da Performance Física/Universidade Federal do Paraná