Em 1980, a equipe beltronense disputou a Primeira Divisão pela primeira e única vez.

Essa é a equipe do Clube Esportivo União (CEU) na temporada de 1980, no Paranaense.
Foto: Rudi Bodanesi/Jornal do Iguaçu

Na próxima quarta-feira, dia 17, o Clube Esportivo União (CEU) faz a sua estreia no Campeonato Paranaense de Futebol – Primeira Divisão, às 21h45, no Estádio Anilado. O adversário é o Paraná Clube, que foi criado em 1993, fruto de uma união entre o Colorado e o Pinheiros. Portanto, o Tricolor da capital nem existia em 1980, quando o União jogou na elite do futebol paranaense pela primeira e única vez.
Após 38 anos, a equipe de Francisco Beltrão está de volta à Primeira Divisão. O Azulão tenta surpreender os grandes clubes do Estado para se manter. Quem sabe até o time pode beliscar uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro. Se sonhar um pouco mais, é possível jogar a Copa do Brasil em 2019.
“O União é um clube que tem muita história. A gente sabe e valoriza muito isso. Essa nova diretoria veio com vontade de elevar o nome do clube, ir ainda mais longe”, comenta Hermes Rathier, presidente do União desde 2015.
Em 1980
O Clube Esportivo União (CEU) foi fundado em 15 de fevereiro de 1956, mas jogou apenas uma vez a elite do futebol paranaense. Foi em 1980, após o título da Segunda Divisão de 1979. Na primeira fase, a equipe de Francisco Beltrão disputou com o rival Pato Branco uma das oito vagas para o octagonal, mas os dois times do Sudoeste ficaram de fora e foram obrigados a disputar o Torneio da Morte. Como o Paranaense de 1980 era disputado por 20 equipes, as 12 piores ficaram nesta competição que começou em agosto e foi até dezembro. Aí o Azulão não foi bem, ficou em penúltimo lugar e rebaixou junto com o Toledo.
Somando toda a campanha do União na Primeira Divisão de 1980, foram 41 jogos, sendo 14 vitórias, 7 empates, 20 derrotas, 42 gols a favor e 51 contra.
O técnico do União era Sérgio Savian, que hoje mora em Santa Maria (RS). Ele comandou o time também no título de 1979. A equipe tinha jogadores como o goleiro Gato, o zagueiro Jair, também Aimoré, Paraná, Roberto, Lalo, Gilmar, Sérgio Ronaldo, Coringa, Cícero, Luis Fernando, Lima, Wilson Henrique, Renato, Calicha, Maça, Zé Luís, Batista, Edson e Miltinho. O massagista era o Pimenta. E o presidente era Osmar Brito. Depois, em 1981, Osmar pediu afastamento e quem assumiu a presidência foi Miro Sakol.
O presidente do Conselho Deliberativo era o então prefeito João Arruda. Elízio Vetorello era o responsável pela contratação de jogadores. Mas também tinham boa atuação na diretoria do União nomes como Kid Spessato, Nelson Behne, Álbio Stupp, João Gabriel e Nelson Meurer.
Na Segunda Divisão, em 1981, quem assumiu como treinador foi o professor Átila de Freitas, que morou mais de 30 anos em Francisco Beltrão, mas hoje está em Guaratuba, no litoral do Paraná.

Clássico das Penas
Em 1980, o Pato Branco EC era uma equipe muito forte no Paranaense. Pela Primeira Divisão, foram realizadas três edições do Clássico das Penas. Na primeira fase, o União venceu fora de casa por 1 a 0. No Torneio da Morte, houve um empate em 1 a 1 em Pato Branco e uma derrota do União no Anilado por 1 a 0.
Na primeira fase, o Pato Branco ficou em 10º lugar e o União em 11º. Mas no Torneio da Morte os pato-branquenses conseguiram se manter na elite.

2006
Foi o último ano que Francisco Beltrão teve um time na Primeira Divisão do Paranaense;
2004
Foi a última vez que o Paraná veio ao Estádio Anilado, quando perdeu para o Beltrão FC por 1 a 0, em 21 de janeiro.
1980
Esse foi o único ano em que o Clube Esportivo União esteve na Primeira Divisão do Paranaense, após o título da Segunda Divisão de 1979.
1993 a 2016
É o período de 23 anos que o União ficou inativo, sem futebol profissional.
1993
Ano em que o Beltrão FC jogou a Primeira Divisão pela primeira vez. A equipe caiu em 2001, foi campeã da Segundona em 2002 e permaneceu na elite de 2003 a 2006.
2016
Foi quando o União venceu o Iraty na final da Terceira Divisão e ficou com o título;
2017
No ano passado, o Azulão surpreendeu a todos e garantiu vaga na final, ficando com o vice-cmpeonato contra o Maringá;
1956
É o ano de fundação do Clube Esportivo União, que nasceu no dia 15 de fevereiro;
1999 e 2005
Foram os dois melhores anos da história do futebol beltronense. Nessas duas temporadas, o Beltrão FC ficou em quinto lugar. Em 1999, perdeu para o Malutrom. Em 2005, perdeu nas quartas para o Coritiba;
14
É o número de participações do futebol beltronense na Primeira Divisão do Paranaense, sendo 12 do Beltrão FC e 2 do União.

Fonte: Jornal de Beltrão