Valorizar a posse de bola é a palavra de ordem aos jogadores do Atlético de Paranavaí na partida desta quarta, contra o Apucarana. O jogo tem o mando de campo do Vermelhinho, mas a disputa será no Estádio ABC, em Foz do Iguaçu, a partir das 15h30. Lembrando que o Paranavaí perdeu o mando de um jogo por conta de problemas com o time Sub-23 em 2016.
O Atlético de Paranavaí vem de empate em 0x0 com o Maringá FC e o Apucarana foi goleado pelo Operário (4×0) em Ponta Grossa. Mesmo com esses resultados, o técnico do Vermelhinho, Rafael Andrade, prega respeito ao adversário e ainda quer seu time jogando com inteligência.
“Temos de jogar com inteligência, fazer com que o time se aproxime mais, troque os passes de maneira mais rápida e quando sair para o ataque não vacilar na posse de bola”, disse Rafael Andrade, demonstrando confiança de que a vitória é eminente.
Para o técnico, o time teve boa produção no empate de domingo passado (0x0 com o Maringá FC), teve mais chances claras de gols, avaliando que faltou eficiência nos arremates. O setor defensivo agradou ao técnico. “Esteve bem consistente, tanto que o goleiro Dida foi pouco exigido”.
A escalação da equipe para hoje em relação a que enfrentou o Maringá sofre duas alterações. Saem Furlan (deixou o campo com lesão muscular na perna direita) e Ricardinho (entorse no tornozelo direito) e entram Hércules e Chimbinha.
Provável time: Dida; Diego Fiuza, Léo, Glauber e João Victor; João Antônio, Alan, Robinho e Hércules; Chimbinha e Monte Alegre.

 

 

Fonte: Diário do Noroeste